Mutumprev é reconhecido em 1º lugar pelo TCE/MT por boas práticas em gestão de RPPS

O Tribunal de Contas de Contas do Estado de Mato Grosso reconheceu o Mutum-Prev (Regime Próprio de Previdência Social) em 1° lugar no estado pelo reconhecimento de gestão. O resultado foi divulgado no ultimo dia 31 de outubro durante o 7º Encontro de Gestores de RPPS que foi realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso.

Vários municípios que possuem regime próprio de previdência se inscrevem, no final apenas quatro projetos foram receberam o reconhecimento do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Projeto Mutumprev em ação

O projeto do MutumPrev teve como intuito de viabilizar palestras e visitas de representantes do Mutum-Prev ao maior número de servidores efetivos, com a realização de ações educativas diretamente no local de trabalho dos servidores. Durante o projeto a equipe do Mutum-prev também realizou a atualização cadastral dos segurados, e ainda ofereceu apoio aos servidores de carreira com orientações sobre educação previdenciária e financeira, consulta jurídica e prestação de contas do Mutum-prev. Em cada oportunidade de encontro, foram esclarecidas dúvidas quanto à prestação de contas, consultas jurídicas previdenciárias, atualizações cadastrais, entre outros temas.

Reconhecimento

A coordenadora do Mutum-Prev Rosemeire Silva, acrescenta que esse reconhecimento é fundamental para fortalecimento das boas práticas de gestão dos Regimes Próprios de Previdência Social dos Municípios e do Estado de Mato Grosso. “Não paramos por aqui, esse reconhecimento nos desafia a enfrentarmos outras premiações até mesmo para que possamos seguir e continuar com esse modelo de gestão previdenciário. Foi uma experiência única, concluímos o projeto com satisfação e muitos aprendizados. Nosso objetivo é manter o projeto e realizá-lo durante os próximos anos.”

0 Comentários

Ainda não há comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Back to top